Como utilizar o Detetive de Falácia na Sala de Aula

Por Hans Bluedorn

O Detetive de Falácia

Trinta e oito lições sobre como reconhecer um mau raciocínio, apresentada por Nathaniel Bluedorn e Hans Bluedorn.

Workbook Edition (2015): inclui espaços para os leitores escreverem suas respostas para os exercícios.

(2015) Amostra de lição (PDF).

O que é uma falácia?

Uma falácia é um erro de lógica – um lugar onde alguém cometeu um erro em seu pensamento.

“Uma nuvem é 90% de água. Uma melancia é 90% de água. Portanto, como um avião pode voar através de uma nuvem, um avião pode voar através de uma melancia. ”

Desde que escrevemos o  Detetive de Falácia The Fallacy Detective, em 2002, recebemos muitas cartas de professores que utilizam nosso livro em sala de aula. Criamos esta página para dar sugestões sobre como usar nosso livro com um grupo de estudantes.

Como atribuir as tarefas de casa?

O detetive de falácia tem 36 lições com exercícios. As respostas para os exercícios são encontradas no fim do livro. Isso parece um problema: “Como atribuir as tarefas de casa quando as respostas estão na parte de trás do livro?” Mas nada que uma pequena criatividade não possa resolver.

Obter as respostas! . . . uma boa ideia, mas indigna.

Confie neles para não espiar. . . Okay.

Estamos recebendo mensagens dos professores que estão fazendo cada lição durante o horário das aulas. O professor lê uma lição em voz alta, a classe discute os conceitos e os exemplos e, em seguida, o professor faz com que a classe responda os exercícios um a um. O professor pode corrigir as respostas erradas na aula.

Os alunos podem fazer seus próprios trabalhos de casa. Os alunos encontram exemplos de falácias ou técnicas de propaganda no jornal ou em anúncios. Ou eles poderiam criar seus próprios exemplos de falácias ou técnicas de propaganda e trazê-las para a aula. Recebemos muitas mensagens de alunos que se divertem com isso. Alguns professores usam isso como método de teste. É disso que se trata o Jogo  do Detetive de falácias The Fallacy Detective Game na parte de trás do livro.

Existe um teste?

Nathaniel e eu escrevemos um teste de trinta e duas perguntas. Não é um teste difícil. Os professores podem usá-lo para verificar se os alunos prestaram atenção na aula de lógica. Este teste é gratuito. Enviaremos por e-mail o Teste do Detetive de Falácia como um arquivo PDF para qualquer professor que solicitar e você poderá imprimi-lo na impressora do seu computador. Este arquivo contém o teste e a chave de resposta do professor.

Em seu e-mail de solicitação, forneça (1) seu nome, (2) a escola que você representa e (3) o que você ensina nessa escola. Queremos garantir que apenas professores e não alunos recebam esse teste.

Qualquer professor pode usar nosso teste, mesmo que você não use nosso livro O detetive de falácia em sua classe. Ainda enviaremos o teste e você poderá usá-lo para testar a qualidade dos seus alunos em detectar falácias.

Se você quiser fazer mais material de teste para sua classe, use os arquivos de The Christian Logic News como material. Você também pode tentar jogar The Fallacy Detective Game (localizado na parte de trás do nosso livro) na classe. Os alunos inventam falácias em categorias específicas e votam em qual é a melhor “falácia”. Os alunos encontram o nome correto para a falácia escolhida.

Você tem opiniões?

Você é um professor de lógica que usou o Detetive de Falácia em sua classe? Gostaríamos de ouvir sua opinião.

Fonte Texto Original: http://www.fallacydetective.com/articles/read/how-to-use-the-fallacy-detective-in-a-classroom/
Tradução: Alessandra Martins – Mãe Educadora – membro equipe Educalar
Fonte Imagem: https://www.pexels.com/pt-br/

Você deseja utilizar, compartilhar, copiar ou distribuir este artigo? Entenda como isso pode ser feito de maneira a respeitar os direitos  atribuídos a ele.
Creative Commons – [CC BY-NC-ND 4.0] – http://bit.ly/CCartigosEducalar

Artigos Relacionados

Sobre o editor(a) Ver todos os posts

Bárbara Beatriz

Cristã, casada e mãe educadora. Tenho desejado mais da vida de Cristo em mim e em minha família. Que Cristo cresça e eu diminua!

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado. Os campos marcados devem ser preenchidos *