Rotina com Crianças Pequenas

Por Monique Carvalho
Abril de 2020

Me chamo Monique, sou casada há 11 anos com Éder e temos 2 filhos, a Hellen de 3 anos e 7 meses e o Nicolas de 1 ano e 9 meses. Hoje quero compartilhar um pouquinho do nosso dia a dia, nossa rotina com crianças pequenas.

Eu tive o privilégio de poder parar de trabalhar depois que a minha primeira filha nasceu. Isso sempre foi um desejo muito grande, meu e de meu marido. Não foi nada fácil pedir exoneração de um concurso público, mas nós entendemos claramente que essa era a vontade de Deus para nossas vidas e nossa família. E posso dizer, depois de quase 4 anos me dedicando exclusivamente ao meu lar e minha família, que valeu a pena!

Engravidei do segundo filho quando a Hellen tinha apenas 1a2m. Mais ou menos por essa época eu comecei a ter os primeiros contatos com a educação domiciliar e fui pesquisar e me informar mais sobre o assunto. A partir daí, começou um processo de Deus na minha vida, me mostrando aquilo que Ele estava querendo de mim em relação à educação dos meus filhos. E acredite, hoje com 2 filhos pequenos eu sou muito mais produtiva do que quando não tinha filhos! Ao longo desses quase 4 anos, nossa rotina já se alterou várias vezes, e tenho certeza que ainda será alterada sempre que uma necessidade surgir. Então vou compartilhar como é atualmente.

Sempre prezei muito por uma rotina estruturada, faz bem para eles e para nós também. Eu procuro me levantar todos os dias às 7h, para tirar um pequeno período de devocional antes que eles despertem. Meu desejo é conseguir acordar mais cedo ainda, porém meu bebê, às vezes, ainda acorda pela madrugada, prejudicando um pouco meu sono. Então eu leio um devocional (geralmente relacionado a vida familiar, ou criação de filhos, ou sobre mulheres), faço minha leitura sistemática da Bíblia (através de um plano de leitura) e oro alguns minutos antes de começar meu dia. Eles acordam por volta das 07h30 (às vezes acontece de acordarem um pouco antes). Logo que as crianças acordam, troco o pijama, e então vou preparar nosso café da manhã. Após o café, dedico algum tempo a limpeza básica e organização da casa (enquanto ajeito as coisas, eles brincam). Depois fazemos nosso culto doméstico. Oramos para iniciar, cantamos um ou dois louvores (dependendo de como estão no dia), lemos alguns versículos da Bíblia e meu marido conta uma história sobre o tema. Temos trabalhado também de forma sistemática a apresentação da Bíblia para eles. Listamos as principais histórias de Gênesis a apocalipse e todos os dias meu marido conta uma durante o culto. Essa prática começou quando um dia estávamos no carro e a Hellen pediu uma historinha e não tínhamos nenhum livrinho na hora. Então meu marido contou uma história somente narrada da Bíblia, e para nossa surpresa, ela não só prestou atenção, como passou a pedir constantemente por histórias assim (quando isso começou ela não tinha 3 anos ainda). Após a história, nós memorizamos os versículos e depois oramos colocando sempre nossos pedidos de oração e encerramos.

Geralmente nosso culto leva em torno de 15min. E é o tempo que eles conseguem prestar atenção. O Nicolas ainda não consegue no mesmo nível da Hellen. Então eu coloco ele no meu colo e vou folheando a Bíblia para ele ir vendo as imagens e ficar mais calmo durante o culto. Depois descemos para brincar um pouco (moramos em apartamento). Nos dias normais levo eles ao parquinho ou damos uma volta perto de casa. Porém nessa fase de quarentena (Pandemia do Coronavírus) descemos para brincar na garagem do prédio mesmo. Logo que voltamos, ofereço um lanche para eles (geralmente uma fruta) e enquanto comem lemos um livrinho. Depois vou preparar o almoço (geralmente começo esse processo às 11h) e ao meio dia almoçamos. Após o almoço o papai lê alguma coisa para eles, já para ir preparando para a soneca, ou eles brincam um pouquinho enquanto lavo a louça e limpo a cozinha. Eles vão para a soneca entre 13h-13h30.

Lemos um livrinho escolhido por eles e depois que deitam eu leio algum livro mais denso e sem imagens (agora estou lendo as crônicas de Nárnia). Já lemos o Pequeno Príncipe, O Jardim Secreto e As Fábulas de La Fontaine. Essa leitura serve não só para eles, mas para mim também. É o momento que tenho para ler algum livro que não seja de estudo. Quando eles acordam (14h30-15h), ofereço um lanche (geralmente uma fruta ou algo bem leve) e então fazemos alguma atividade. Com a Hellen estou trabalhando os números, as vogais e a percepção visual e lógica. Trabalho em apostilas e através de brincadeiras. Ela gosta muito e me pede sempre para fazer as atividades. Trabalho também através de brincadeiras e brinquedos que eu mesma faço para ela: a coordenação motora, concentração, desafios. Com o Nicolas eu faço sempre alguma brincadeira mais direcionada, encaixar blocos, nomear as cores, apresentar palavras novas (ele está na fase de desenvolvimento da fala), colocar objetos dentro de potes. Apesar de tentar sempre trabalhar essas áreas com eles, não tenho um currículo elaborado, sempre dou mais espaço para a brincadeira livre, e sempre que aparece a oportunidade de um passeio, ou uma visita a alguém, preferimos.

Mas apesar de não ter um currículo rigoroso, porque eles ainda são pequenos, não estão ainda em idade escolar, também gosto de fazer atividades mais direcionadas. Acredito que ajuda muito no bom desenvolvimento deles. E avalio muito também a disposição deles para o que estou sugerindo. Também estamos inserindo, de forma bem natural e descontraída, a música (meu marido é músico, então facilita bastante) e o inglês. Então lá pelas 16h30-17h tomamos o café da tarde. Lemos mais algum livrinho e depois preparo o jantar. Dou banho neles e jantamos por volta das 19h30-20h. Depois vem a rotina da hora de dormir, escovar os dentes, colocar o pijama, contamos mais uma história antes de dormir, Lemos um salmo, oramos e coloco eles na cama por volta das 20h45-21h. Esse é o nosso dia!

Faça Parte da Comunidade Educalar

Arrumação da casa

Eu não tenho ajuda para a limpeza da casa. Então procuro me organizar o máximo que posso. Tenho meu cardápio semanal para saber o que irei cozinhar cada dia. Temos um dia da semana dedicado a fazer coisas fora de casa (ir ao mercado, verdureira). Procurei organizar toda a minha casa de forma que consiga arrumar tudo bem rápido (principalmente os brinquedos deles). E depois que eles dormem a noite, sempre procuro deixar a pia da cozinha limpa, a sala organizada, os brinquedos guardados, o banheiro limpo e já deixo encaminhado algumas coisas para o dia seguinte: roupa na máquina, coisas para o café da manhã. Para o dia seguinte fica a arrumação das camas, a louça do café, passar aspirador na casa e pendurar/recolher a roupa quando preciso.

Uma vez por mês, ou conforme a nossa necessidade, tiro dois dias para fazer uma faxina mais minuciosa em casa, levantando e afastando as coisas e limpando os vidros. No primeiro dia limpo os quartos e o banheiro, e no seguinte a cozinha, sala e lavanderia. Durante a soneca da tarde deles é o período que eu tiro para preparar alguma atividade para eles, estudar, pesquisar alguma coisa, ler meus livros. E apesar da nossa rotina ser bastante puxada, procuro também sempre aproveitar as oportunidades que surgem: enquanto arrumo a casa, ouço um audiobook, ou a Bíblia em áudio (que eu amo ouvir enquanto limpo a casa) ou mesmo uma pregação. Procuro orar enquanto lavo a louça (até esses dias tinha um quadro com motivos de oração em cima da pia da cozinha) e depois que eles dormem a noite, antes de eu ir dormir também, procuro tirar um período um pouco maior de oração.

Meu marido me ajuda muito em casa e com as crianças. Ele é ministro do evangelho, e como trabalha em casa, consegue passar bastante tempo com a gente. Mas quando precisa se trancar no escritório, também procuro sempre explicar para eles que agora não podem ficar com o papai.

Livros

Para as minhas leituras, fui obrigada a me render ao virtual (apesar de não ser minha preferência). Mas procuramos priorizar a compra de livros físicos para as crianças. E nós compramos muitos e-books, que além de mais barato também são bem práticos, sendo possível a leitura em várias ocasiões. Minhas leituras incluem: educação de filhos (Pastoreando o Coração da Criança de Tedd Tripp; Temperamentos Transformados de Tim LaHaye; A Esposa Excelente de Martha Peace). Para o momento do culto usamos somente a Bíblia normal mesmo para a leitura de alguns versículos. Mas temos várias bíblias ilustradas que usamos ao longo do dia. Uma delas em especial que gostamos muito, é a “Bíblia A Mensagem para crianças”. Os livros para as crianças, procuramos histórias bem escritas, algumas com visão cristã. E eles possuem também muitos livros cartonados, que é ideal para a idade do Nicolas.

Você Pode Realizar a Compra Destes ou Mais Títulos Clicando Aqui.

Atividades

As ideias para as atividades eu tiro de várias fontes, alguns perfis que sigo, Google, Pinterest e, às vezes, da minha própria cabeça, com base nas necessidades deles e daquilo que preciso incentivar o desenvolvimento. Sempre gostei muito de trabalhos manuais, então tenho muita facilidade em desenvolver brinquedos com papelão, plástico, rolos, etc.

Bom, esse é o compartilhar da minha experiência com meus pequenos!

Mas não pense que todos os dias são gloriosos e magníficos. Em muitos dias fugimos um pouco da rotina. Em todos eles estamos desenvolvendo hábitos, principalmente o da obediência. Então aqui também tem muita birra, choro, reclamação, desobediências… e aos poucos, tenho aprendido a lidar com o caos e o mais rápido possível voltar a rotina. Mas o que tenho aprendido com o Senhor é sempre a dar o meu melhor (1Co10.31), trabalhar para Ele e nunca deixar de estudar para poder sempre melhorar aquilo que preciso.

Espero ter ajudado de alguma forma com a minha experiência. E para encerrar quero deixar o versículo que tem sido essencial para toda essa mudança na minha vida e na minha casa:

“Tudo o que fizerem, façam de todo o coração, como para o Senhor, e não para os homens, sabendo que receberão do Senhor a recompensa da herança. É a Cristo, o Senhor, que vocês estão servindo.” Colossenses 3:23-24 NVI

Texto: Monique Carvalho – Mãe Educadora
Revisão do Texto: Vanessa Almeida – Mãe Educadora – Equipe Educalar
Fonte Imagem: Monique Carvalho – Mãe Educadora

Caso você queira conhecer um pouco mais sobre a autora do texto, e as atividades que ela realiza com seus filhos, acesse o Instagram da Monique Carvalho: https://instagram.com/moniquepriscilacarvalho

Você deseja utilizar, compartilhar, copiar ou distribuir este artigo? Entenda como isso pode ser feito de maneira a respeitar os direitos  atribuídos a ele.
Creative Commons – [CC BY-NC-ND 4.0] – http://bit.ly/CCartigosEducalar

Artigos Relacionados

Sobre o editor(a) Ver todos os posts

Bárbara Beatriz

Cristã, casada e mãe educadora. Tenho desejado mais da vida de Cristo em mim e em minha família. Que Cristo cresça e eu diminua!

11 ComentáriosDeixe um comentário

  • É maravilhoso poder ver e desfrutar do agir de Deus em família. Aqui em casa também temos 2 pequeninos (um de quase 3 anos e uma bebê de 6 meses) e temos tentado trilhar o mesmo caminho. Sabemos que dessa forma, agrada ao Senhor e esse é nosso maior desejo, fazer Sua Boa vontade.
    Que o Senhor nos abençoe e nos faça sempre perseverantes e firmes. Amém🙏

  • Excelente relato! Somos encorajados por uma descrição tão vívida do que vocês vivem. Feliz em saber que, às vezes, dá certo e, às vezes, não. Nos identificamos por muitas vezes algumas coisas saírem do rumo mas não desistirmos e pela graça de Deus tudo voltar ao lugar certo! Deus os abençoe!

  • É muito bom ler textos práticos como este. Ajuda bastante, uma vez que nos encoraja e nos leva a avaliar melhor nossa rotina. Excelentes dicas!

  • Muito obrigada por compartilhar conosco a sua rotina.. aqui em casa tenho adaptado algumas coisas, principalmente nessa época de pandemia em que não dá pra passear com as crianças. Como elas tem idades muito diferentes ( entre 1 e 17 anos) fica um pouco mais complicado “agradar” a todos.. mas vamos levando conforme a nossa missão, não é mesmo? Grande abraço..
    Ah, gostei bastante dos brinquedos que você fez, parabéns!

  • Também temos uma rotina bem estruturada aqui em casa e vejo que isso é bom tanto para mim quanto para as crianças. Mas gostaria de fazer mais atividades criativas com elas. Infelizmente, não consigo encontrar tempo para prepará-las e com certeza não tenho seu talento e criatividade.

    • O Instagram da Monique é bem inspirador! Já encontrei coisas bem legais para fazer com minha filha.
      Dá um pulinho lá que a criatividade começa a aparecer. 😉

  • Que leitura edificante! Minha vida e rotina, é bem parecida com a da autora, por exemplo, meu esposo também é ministro do evangelho. Contudo, a riqueza como descreve sua rotina, e as dicas que apresenta, são ferramentas valiosas para mim. Obrigada por compartilhar, colocarei em prática. Abraços

  • Já sigo a Monique no Insta. Muuuuito legal esse artigo. O cardápio semanal e o dia definido para sair também costumam ajudar MUITO por aqui.

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado. Os campos marcados devem ser preenchidos *