Mini Curso História – Aula 5 – Cosmovisão: Um Conceito Útil ao Coração

Por Gaia Manetti
27 de Março de 2019

Caso você não tenha visto ainda nossa Aula 4, ela está aqui.

Aula 5 – Cosmovisão: Um Conceito Útil ao Coração

Tendo em vista que a ciência não é neutra, nós podemos começar a refletir sobre cosmovisão. O que é cosmovisão?, qual a importância de se desenvolver uma cosmovisão cristã no ensino de história? e qual a relação entre cosmovisão e o coração?, estas são algumas perguntas que gostaria de refletir com vocês neste texto.

Então para começar cosmovisão é um termo que vêm do alemão e significa ‘visão ampla’. É também um termo, muito utilizado na filosofia e também por teólogos e intelectuais cristãos do meio reformado, como, por exemplo: Francis Schaffer. Este termo para nós tem a ver com a forma que vamos interpretar e também, vivenciar todas as coisas da vida do despertar ao descansar. 

A partir de uma interpretação correta da realidade podemos viver também de forma correta e agradável a Deus, por isso é muito importante que possamos interpretar todo o mundo e a criação divina à luz das Escrituras, pois quando Deus nos chama das trevas para a luz, somos transformados no nosso íntimo e com isso nossos pensamentos e atitudes também. Dessa forma nossa cosmovisão é radicalmente transformada e o processo chamado metanoia acontece: conhecemos por meio no nosso intelecto (informação, raciocínio e conhecimento, por exemplo) para então fazermos nossas escolhas e dessa forma, comprometermos o nosso coração com determinadas posições (verdadeiras ou falsas). 

Isto é, a medida que conhecemos as coisas passamos a inclinar a nossa vontade a elas ou não. Por causa disso é importante mais uma vez lembrar como é essencial escolher fontes seguras para o estudo de história e também de qualquer disciplina, pois nós vamos formar a nossa mente e também o nosso coração por meio daquilo que ouvimos e passamos a conhecer; pois cosmovisão não é só um conhecimento intelectual descolado da nossa realidade, mas também uma vivência do nosso coração, o qual se compromete com aquilo que escolhemos fazer. Como nossas escolhas se dão a partir do que conhecemos isso vira um ciclo que pode ou não agradar a Deus. Primeiro conhecemos intelectualmente para então essa informação cair no coração e a partir dela fazemos nossas escolhas:

Conhecimento Intelectual >>> Coração / Afetos / Desejos >>> Escolhas >>> Comprometimento

Aula: Gaia Manetti
Imagem: Educalar | Edição: Emerson Almeida

Você deseja utilizar, compartilhar, copiar ou distribuir este artigo? Entenda como isso pode ser feito de maneira a respeitar os direitos  atribuídos a ele.

Creative Commons – [CC BY-NC-ND 4.0] – http://bit.ly/CCartigosEducalar

Artigos Relacionados

Sobre o editor(a) Ver todos os posts Autor do site

Emerson Almeida

Cristão Reformado, mora em Joinville (SC), casado com Vanessa Almeida, pai do Eric e Vitor.

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado. Os campos marcados devem ser preenchidos *